23 de Janeiro de 2013

Governo amplia pagamento do Seguro Garantia Safra

Os agricultores familiares que aderiram ao Seguro Garantia Safra para a safra 2011/2012 e tiveram prejuízos por causa da seca, vão receber o adicional de R$ 560,00, por família, pagos em quatro parcelas de R$ 140,00. Além disso, a Bolsa Estiagem, auxílio emergencial criado para atender aos agricultores que não aderiram ao Garantia Safra, foi também ampliado em R$ 320,00 por família. Essas providências, que vinham sendo solicitadas pelos agricultores, foram autorizadas pelo governo federal, através da Medida Provisória (MP) 603, assinada pela presidente Dilma Rousseff, alterando a MP 587, de novembro do ano passado.

Os agricultores familiares que aderiram ao Seguro Garantia Safra para a safra 2011/2012 e tiveram prejuízos por causa da seca, vão receber o adicional de R$ 560,00, por família, pagos em quatro parcelas de R$ 140,00. Além disso, a Bolsa Estiagem, auxílio emergencial criado para atender aos agricultores que não aderiram ao Garantia Safra, foi também ampliado em R$ 320,00 por família. Essas providências, que vinham sendo solicitadas pelos agricultores, foram autorizadas pelo governo federal, através da Medida Provisória (MP) 603, assinada pela presidente Dilma Rousseff, alterando a MP 587, de novembro do ano passado.

Para Eduardo Salles, secretário estadual da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Reforma Agrária, Pesca e Aquicultura (Seagri), esses recursos são fundamentais para os pequenos agropecuaristas, que estão sofrendo perdas tanto dos rebanhos como nas culturas. Ele alerta que muitas famílias que fazem jús ao auxílio emergencial ainda não sacaram o dinheiro por falta de informação, e recomenda que para sanar dúvidas elas devem procurar as unidades da Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA), vinculada à Seagri, nos municípios, ou as secretarias municipais de Agricultura ou Assistência Social.

Na safra 2006/2007, apenas seis mil agricultores aderiram ao Garantia Safra, número que, em função da atuação do governo do Estado, vem crescendo ano após ano. A Bahia é o único estado da Federação cujo governo paga metade da taxa de adesão da prefeitura e do agricultor, viabilizando assim que maior número de produtores tenha acesso ao programa.

Para a safra 2011/2012, 209 municípios e 149.698 famílias de agricultores aderiram ao programa, das quais 149.124 receberam indenizações no valor de R$ 143,2 milhões, importância que, agora, com o valor adicional autorizado pela MP 603, vai alcançar o total de R$ 226,9 milhões. Para 2013, a meta é alcançar 250 mil cotas do Garantia Safra, e 300 mil em 2014.

(Redação - Agência IN)

Fonte: http://www.investimentosenoticias.com.br

Mais Notícias